O projeto “Leia um Drama” prevê a criação de uma Biblioteca Digital de Dramaturgia, disponibilizando um acervo de mais de trezentas obras teatrais mundiais para toda a população através do site da Cia Arte-Móvel, a partir do dia 23 de Julho. 

O projeto também contará com leituras dramáticas presenciais, realizadas por diversos grupos locais, as leituras acontecerão de 23 a 31 de Julho, no CEU das Artes em Santa Bárbara D'Oeste.

Para participar basta realizar o agendamento pelo WhatsApp (19) 99955-3099 no botão abaixo:

Leia Um Drama - Logotipo-03.png

BIBLIOTECA DIGITAL

Olá, aqui você encontra esquetes e peças teatrais para download. Esta iniciativa visa democratizar o acesso a obras dramatúrgicas para leitura e apreciação.

 ATENÇÃO:  Alguns dos textos disponibilizados nesta página detém direitos autorais. Qualquer utilização comercial, parcial ou total destes textos, deve ter a autorização do autor. Caso haja dúvida procure a SBAT (Sociedade Brasileira de Autores Teatrais) ou a ABRAMUS (Associação Brasileira de Música e Artes).
A Cia Arte-Móvel não se responsabiliza pela utilização ilegal das obras.

A Antígona de Sófocles

Bertold Brecht

A Cantora Careca

Eugéne Ionesco

A Caravana da Ilusão

Alcione Araujo

A Falecida

Nelson Rodrigues

A Farsa do Mestre Pathelin

Hélio Muniz

A História do Jardim Zoológico

José Vicente Rezende Cardoso

A Idade das Ameixas

Aristides Vargas

A Mais Forte

August Strindberg

A Margem

Antonin Artaud

A Menina e o Vento

Maria Clara Machado

A Oração d’O Defunto

Fernando Arrabal

A Quarta Estação

Luís Alberto de Abreu

A Roupa Nova do Imperador

Romualdo Sarcedo

A Tempestade

Shakespeare

A Vida é Sonho

Calderon de La Barca

A Volta ao Lar

Harold Pinter

A Ópera de Três Vinténs

Bertold Brecht

A Última Gravação

Samuel Beckett

Act Without Words II

Samuel Beckett

Agamênon

Ésquilo

As Bacantes

Eurípedes

As Bruxas de Salém

Arthur Miller

As Confrarias

Jorge Andrade

As Criadas

Jean Genet

As Filhas do Coronel

João Bourbonnais

As Rãs

Aristófanes

As Troianas

Eurípides

As Três Irmãs

Anton Tckekhov

Assim nos Contaram… Assim Contaremos!

Assim é se lhe Parece

Luigi Pirandello

Ato Sem Palavras I - Mímica Para Um Jogador

Samuel Beckett

Aurora da Minha Vida

Naum Alves de Souza

Auto da Camisinha

José Mapurunga

Besame Mucho

Mario Prata

Boca de Ouro

Nelson Rodrigues

Brutal

Mário Bortolotto

Caminho de Volta

Consuelo de Castro

Casa dos Penhores

Isis Baião

Chuva de Pensamento

Raphael Júdice

Coéforas

Ésquilo

Credores

August Strindberg

Delírio a Dois

Eugéne Ionesco

Deus me Livre e Guarde

Voltaire

Diário de um Louco

Nicolai Gogol

Dom Quixote

Miguel de Cervantes

El Dia Que Me Quieras

Inácio Cabrujas

Electra

Maria Adelaide Amaral

Electra Enlutada

Eugene O'Neill

Elementos Cenográficos

Dario Fo e Franca Rame

Eléctra

Eurípedes

Entre Quatro Paredes

Jean-Paul Sartre

Errantes - GTT

Grupo Teatral Talento

Esperando Godot

Samuel Becket

Estado de Sítio

Albert Camus

Fando e Lis

Fernando Arrabal

Fedra

Jean Racine

Fim de Partida

Samuel Beckett

Flitis

Benê Silva

Fábrica Que Não Tem Prevenção, Todos Brigam e Ninguém Tem Razão

Luís A. de Abreu

Gimba, Presidente dos Valentes

Gianfrancesco Guarnieri

Guernica

Fernando Arrabal

Hamlet-Máquina

Heiner Muller

Henrique IV e Pirandello

Aurora Fornoni Bernardini

Hernani

Victor Hugo

Hoje Sou Um; Amanhã Outro

Qorpo-Santo

Hoje é Dia de Rock

José Vicente

Homem, Esperança

Jorginho, O Machão

Leila Assunção

José de Maria (Auto de Natal)

Luiz Menezes Peduto

Juízo Final

Antônio Rogério Toscano

Léo Não Pode Mudar o Mundo

Antônio Rogério Toscano

Madame Lêhnin

Autor Desconhecido

Makura Jido

Grupo Teatral Talento

Maria Peregrina

Luís Alberto de Abreu

Medéia - Eurípedes

Eurípedes

Medéia - Sêneca

Sêneca

Mercúrio

Artur Azevedo

Michele Lu Lanzone

Dario Fo e Franca Rame

Misterio-Bufo

Vladimir Maiakóski

Mãe

José de Alencar

Na Trilha de Belém - Auto de Natal

Caio de Andrade

Num Meio Dia de Fim de Primavera

Adbailson Cuba

O Acidente

Bosco Brasil

O Arquiteto e o Imperador da Assíria

Fernando Arrabal

O Assalto

José Vicente de Paula

O Assassinato do Anão do Caralho Grande

Plínio Marcos

O Berço do Herói

Dias Gomes

O Casamento do Pequeno Burguês

Bertold Brecht

O Coração de Um Boxeador

Lutz Hubner

O Círculo de Giz Caucasiano

Bertold Brecht

O Defunto

René Obaldia

O Diletante

Martins Pena

O Fedor

José Antônio de Souza

O Homem da Flor na Boca

Luigi Pirandello

O Homem do Princípio ao Fim

Millôr Fernandes

O Livro de Jó

Luís Alberto de Abreu

O Macaco Peludo

Eugene O’neil

O Menino Maluquinho

Ziraldo

O Menino do Dedo Verde

Daniel Olivetto e Marcelo de Souza

O Misantropo

Menandro

O Papa Sonhos

Chico FIlho

O Parturião

Luís Alberto de Abreu

O Pequeno Príncipe

Jorge Vermelho

O Primeiro Vôo de Ícaro

Luís Alberto de Abreu

O Pássaro Azul

Maurice Maeterlinck

O Rato no Muro

Hilda Hilst

O Sonho

August Strindberg

O Voo Sobre o Oceano

Fernando Peixoto

Olhos Negros

Zeno Wilde

Opera do Malandro

Chico Buarque

Orégano

Sérgio Lobo

Os Menecmos

Menaechmi de Plauto

Os Meninos e as Pedras

Antônio Rogério Toscano

Os Ossos do Barão

Jorge Andrade

Os Veranistas

Máximo Górki

Otelo - O Mouro de Veneza

Shakespeare

Paixão Segundo Matheus

Otávio Delaneza

Peer Gynt

Henrik Ibsen

Pequenino Grão

João Falcão

Piquinique no Fronte

Fernando Arrabal

Pluma

Arístides Vargas

Prálá de Bagda

Zeca Sampaio

Quando as Máquinas Param

Plínio Marcos

Ritos de Infância

Zeno Wilde

Rosa de Cabriuna

Luís Alberto de Abreu

Sabedoria

Rosvita de Gandersheim

Seis Personagens à Procura de um Autor

Luigi Pirandello

Senhorita Júlia

August Strindberg

Snaporaz

Sérgio Costa

Sobre Mentiras e Segredos

Ribamar Ribeiro

Surpresa na Lua de Mel

Pasqual Lourenço

Síntese Futurista

Umberto Boccioni

Teatro a Vapor

Artur Azevedo

Terra Adorada

Valdemar de Oliveira

Toda Nudez Será Castigada

Nelson Rodrigues

Todomundo

Ana Amélia de Queiroz Carneiro

Um Lobo na Cartola

Orcar Von Pfuhl

Veredas

João Guimarães Rosa

Victor ou As Crianças no Poder

Roger Vitrac

Visão do Caranguejo

Ieda de Paula

Woyzeck

Georg Buchner

Conheça o Projeto

Sabemos que nossas bibliotecas, tanto municipais quanto regionais são extremamente carentes no acervo referente à dramaturgia mundial, causando um grande déficit no acesso à este tipo de conteúdo. Da mesma forma, a própria internet não oferece acesso rápido e facilitado à este tipo de material, obrigando artistas e o público em geral a fazerem uso de versões não originais e deturpadas das obras.

É das obras dramatúrgicas que nascem grandes ideias, grandes espetáculos e grandes estímulos à toda a comunidade artística. O projeto objetiva apresentar o gênero dramático como um gênero válido para a formação de leitores. O texto literário dramático pode estimular a imaginação, ajudando a desenvolver múltiplas habilidades no leitor como: ouvir, ler e compreender.

 

Além de tudo, “Leia um Drama” visa promover o conhecimento e o estímulo aos artistas barbarenses, propondo a realização de leituras dramáticas pelos coletivos nas bibliotecas de nosso município. 

Será um projeto que terá sua continuidade gerando um bem cultural permanente.

 

Queremos trazer conteúdo para artistas e interessados nas artes da cena e acreditamos que a leitura é a nossa maior aliada. Por isso, estamos ajudando artistas, dramaturgos e interessados de todo o Brasil a desenvolverem o gosto pela leitura de obras dramáticas para todos, com nosso projeto digital: leia um drama.

Os hábitos de leitura dos brasileiros, principalmente dos jovens, mudaram radicalmente com a chegada da internet e dos dispositivos móveis. Hoje lê-se no celular, no tablet, no computador, nos displays de aparelhos eletrônicos, de modo que a leitura digital passou a ser um hábito cotidiano.