Vinícius Pestana - 06 de Setembro


06 de Setembro de 2021


O trabalho de hoje foi voltado para a respiração, mecanismo realizado a todo o tempo, com muita facilidade, mas nos prestamos atenção na respiração, nós paramos para entender os caminhos do ar? com certeza não, e hoje dedicamos um tempo para o re- conhecimento e estudo da respiração. Controlar o ar que entra e o ar que sai, parece uma tarefa fácil, mas quando feita pensando em todos os detalhes vimos quão complexo é, aos poucos fomos colocando movimentos de expansão e retração junto a inspiração e expiração, trazendo a imagem de preenchimento do corpo com o ar, encontrando espaços vazios onde pudéssemos armazenar esse oxigênio.


Novas canções chegaram e estamos no processo de descobrir alguns instrumentos alternativos para compor a melodia, novamente se faz necessário a audição aguçada, para facilitar o processo de inserção de ritmos, tempos, sustentações etc...


Repassamos algumas das cenas que temos estruturadas, nesse processo criativo, precisamos estar abertos para alterações, e assim pouco a pouco, vamos encontrando soluções para facilitar a dinâmica e falando em dinâmica, já pude sentir que esse espetáculo conta com um ritmo bem intenso, como dissemos hoje em sala! é como pular corda, precisamos manter o ritmo!